Spoilers:


- O show inicia com a Steel Cage descendo em volta do ringue para Dolph Ziggler vs. Drew McIntyre. Vemos um gráfico mostrando que o vencedor do Royal Rumble poderá escolher qualquer campeão para enfrentar na WrestleMania 35. Dolph vem ao ringue primeiro, seguido por Drew. A crowd cantou "vamos Ziggler" durante o combate. McIntyre venceu depois de dois "Claymore Kicks" consecutivos. Após o combate, Ziggler começou a gritar com McIntyre de dentro da gaiola. McIntyre subiu de volta na gaiola com uma cadeira. McIntyre colocou a cabeça de Ziggler entre a cadeira e a cage e depois aplicou novamente um "Claymore". McIntyre pegou o microfone e se declarou para o Royal Rumble. McIntyre então saiu, mas voltou e aplicou um quarto "Claymore" em Ziggler.

- Vemos uma limusine na área do estacionamento. Triple H e Shane McMahon saem dela.

- Seth Rollins chega ao ringue e faz uma promo, falando sobre novos começos. Ele chama o WWE Intercontinental Champion Dean Ambrose para uma revanche. A música de Triple H toca e ele aparece com um microfone. Triple H diz a Rollins que não há mais rematches automáticas por títulos, e diz que talvez Rollins não mereça isso. Triple H diz que quer o velho Seth Rollins de volta. Triple H coloca Rollins em um combate contra Bobby Lashley esta noite. Shane McMahon também aparece e anuncia uma Battle Royal. O vencedor enfrentará Dean Ambrose pelo Título Intercontinental está noite.

- Apollo Crews venceu a Battle Royal para se tornar a nova desafiante ao Intercontinental Championship de Dean Ambrose. Os outros participantes do combate foram Finn Balor, Zack Ryder, Titus O'Neil, Curt Hawkins, Kalisto, Lince Dorado, Gran Metalik, Mojo Rawley, Konnor, Viktor, Bo Dallas, Curtis Axel, No Way Jose e Baron Corbin. Balor eliminou todos os três membros do Lucha House Party. Corbin eliminou Hawkins e Crews eliminou Corbin para vencer.

- Natalya fala nos bastidores sobre a luta da semana passada com a RAW Womens Champion Ronda Rousey e o que o futuro reserva para ela. Ela se anuncia para a Royal Rumble Match feminina. Tamina Snuka e Nia Jax interrompem e depois atacam Natalya

- Baron Corbin está no ringue reclamando que a Battle Royal foi injusta. Elias aparece no palco e diz a Corbin que é hora da véspera de ano novo com Elias. Elias canta uma música sobre Corbin perdendo seu emprego de Gerente Geral e então eles começam a brigar. Eles brigam fora do ringue até que Corbin foge.

- Ronda Rousey e Natalya vs. Tamina Snuka e Nia Jax é anunciado para mais tarde.

- Bayley, Sasha Banks e Ember Moon venceram Riott Squad. Bayley fez o pin para sua equipe com após aplicar um "elbow drop".

- Bobby Lashley derrotou Seth Rollins por DQ. Seth veio ao ringue primeiro, depois Lashley apareceu com Lio Rush. Rush pegou o microfone e fez uma promo antes do combate dizendo que Lashley irá dominar por onde passar. No final do combate Rollins usou uma cadeira e continuou o ataque a Lashley lhe aplicando vários cadeiradas. Rush também foi atingido com a cadeira. Lashley rolou para fora do ringue enquanto Rollins aplicava o "Curb Stomp" em Rush.

- Jinder Mahal e os Singh Brothers derrotaram Rhyno e Heath Slater em uma Handicap 3 contra 2. Rhyno teve uma boa reação do público por estar lutando em sua cidade natal.

- Dean Ambrose apareceu no telão e disse que não precisa de um novo começo. Ele então falou sobre Apollo Crews.

O WWE Intercontinental Champion, Dean Ambrose, reteve o título em combate contra Apollo Crews. Ambrose venceu com o "Dirty Deeds" em combate que foi dito ser "lento".

- Alexa Bliss apareceu no telão para anunciar que teremos um talk show intitulado de "Moment of Bliss" na próxima semana. Ronda Rousey será sua convidada. Na próxima semana também teremos a presença de John Cena, Braun Strowman e o WWE Universal Champion Brock Lesnar, além de Revival vs. RAW Tag Team Champions Bobby Roode e Chad Gable

- RAW Womens Champion Ronda Rousey e Natalya derrotaram Tamina Snuka e Nia Jax no evento principal. Snuka tentou um "Superfly Splash" em certo momento do combate, mas se sobressaiu e aplicou o armlock para vencer.